NÃO ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE AQUI:

Carregando...

domingo, 25 de março de 2012

Dom Vilson


Dom Vilson recebe título de cidadão maranhense




A Assembleia Legislativa do Maranhão, atendendo ao Projeto de Resolução Legislativa n.º 042/2011, de autoria do deputado Bira do Pindaré (PT), realizou, na manhã desta quarta-feira (7), uma sessão solene para a entrega do título de cidadão maranhense a dom Vilsom Basso, bispo de Caxias (MA).

 Compuseram a mesa para entrega do título, além de dom Vilson: dom Geraldo Dantas, bispo emérito de São Luís; dom José Carlos, bispo auxiliar; Humberto Coutinho (PDT), prefeito de Caxias; padre Romilton, provincial dos Padres Dehonianos do Maranhão; padre Mendes, representante da Diocese de Caxias; Silvana, representante da Pastoral da Juventude da Arquidiocese de São Luís; e Helena Duailibe, vice-prefeita de São Luís (PSB).
  
Bira do Pindaré lembrou que quando foi eleito deputado estadual tinha resistência em oferecer títulos de cidadania maranhense. No entanto, dom Vilsom é muito mais que merecedor desta justa homenagem. O parlamentar apresentou uma breve biografia do bispo.


 Dom Vilsom Basso nasceu no Rio Grande do Sul, nas Barrancas, em Lajeado Capivara, no dia 16 de Fevereiro de 1960; cursou os primeiros anos de ensino fundamental na Escola Nossa Senhora Aparecida, em Lajeado/Capivara, e aos 11 anos entrou no Seminário dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, em Crissiumal, no Rio Grande do Sul, em 1971. Nos anos seguintes, de 72 a 74, concluiu o primeiro grau em Corupá/Santa Catarina. Completou o segundo grau em Curitiba, no Paraná, de 75 a 77, e em 1978 entrou no noviciado em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina.

 No ano de 1982 iniciou os estudos de Teologia do Instituto Teológico do Sagrado Coração de Jesus, em Taubaté/São Paulo. Em 1979 começou a acompanhar o trabalho com a juventude em Brusque/Santa Catarina, em 85 fez seus votos perpétuos, no mês de fevereiro, e recebeu o Diaconato em maio; foi ordenado Sacerdote em 28 de dezembro daquele mesmo ano. Em janeiro de 1986, enviado como missionário ao Maranhão, trabalhou em Santa Inês, São Luís e Alto Alegre do Pindaré. No Estado foi também assessor da Pastoral da Juventude da Diocese de Viana e na Arquidiocese de São Luís, o Regional Nordeste V e também da CNBB.

 Entre 94 a 98 trabalhou como assessor Nacional da Pastoral da Juventude do Brasil, no setor da juventude da CNBB, em Brasília. Em 1998, retornou às missões no Maranhão, onde trabalhou como pároco em Santa Luzia do Tide. Nos anos de 2008 a 2010 foi formador do Seminário Propedêutico dos Padres do Sagrado Coração de Jesus. No dia 19 de março de 2010 foi nomeado Bispo de Caxias pelo Papa Bento XVI, sucedendo dom Luis de Andreia, de 76 anos, que teve seu pedido de renuncia aceito por causa da idade. A ordenação episcopal de Dom Vilsom aconteceu no dia 30 de maio de 2010, na Paróquia Nossa Senhora da Saúde em cinquentenário Tuparendi Rio Grande do Sul e a missa de posse aconteceu no dia 19 de junho, daquele mesmo ano no ginásio municipal da cidade de Caxias.


Bira do Pindaré ressaltou a importância que dom Vilson Basso teve na sua formação política, religiosa e de militância. A Bíblia nos explica o milagre da vida e da solidariedade. A vocação de Dom Vilson não pode ser nunca contestada, sempre seguindo o caminho da sua consciência.

“Por essa razão é que a gente propôs esse título e eu espero, espero grandemente que a gente possa fazer desse título uma homenagem a todos aqueles que sonham, que lutam, como estou vendo aqui diversos companheiros e companheiras que tem essa mesma história que eu tive de Pastoral de Juventude”, disse Bira.

 A deputada Cleide Coutinho (PSB) também prestou homenagens ao bispo de Caxias. Ela ressaltou o compromisso dele com os movimentos sociais, religiosos e o trabalho em resgate aos mais de 600 mil fiéis que a diocese de Caxias abrange. “É com muita honra que o Maranhão e a cidade de Caxias recebem seu mais novo filho”, celebrou Cleide.

 Dom Vilsom recebeu muito emocionado das mãos do deputado Bira o título de cidadão maranhense. O bispo disse que aprendeu a amar a cultura, os costumes e a maneira de viver dos maranhenses. “Agradeço de maneira especial o Bira, que conheci na Pastoral da Juventude. Te parabenizo pela história que construístes e aqui nesta homenagem que é dirigida a mim. Além da diocese de Caxias quero saudar também a Pastoral da Juventude e os assessores desde 1986”, declarou dom Vilsom.

        Bira encerrou a sessão agradecendo todos que estiveram presentes a solenidade e cantando uma canção que foi ensinada por dom Vilson Basso. “Irá chegar um novo dia, um novo céu, uma nova terra, um novo mar, e nesse dia os oprimidos, em uma só voz a liberdade iram cantar. Irá chegar um novo dia, um novo céu, uma nova terra, um novo mar, e nesse dia os oprimidos, em uma só voz a liberdade iram cantar. Viva Dom Vilsom Basso! Viva a luta do Povo de Deus! Viva a luta do povo maranhense”, concluiu.



FONTE: Assembléia Legislativa do Maranhão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

GOSTOU !!! ENTÃO CURTE !!!

Telefones Úteis – São Mateus - DDD (99)

3639-0815 - Sec. de Saúde

3639-0934 - Pref. Municipal

3639-1007 - Câm. de Veread.

3639-1271 – Cart. Eleitoral

3639-1323 - Paróq. São Mateus

3639-1777 - Del. de Polícia

3639-1815 - Sec. de A. Social

3639-2187 - Pronto Socorro

3639-2518 - Promot. de Justiça

3639-2518 - Sec. de Educação

8142-1918 - Viatura Policial

8141-6542 - Cons. Tutelar

3639-1133 - Pref. Municipal

DEIXE SUA MENSAGEM

VEJA NOTICIAS DO PAÍS E DO MUNDO ?

Loading...